Mataram o “Pão por Deus”

Peço desculpa desde já aos que gostam do Dia das Bruxas ou Halloween, mas caramba! Que raio de tradição tínhamos que adoptar!

Na segunda-feira, foi a correria. O #42 ia jantar fora com os amigos… just men! yeah! E nós, as mulheres e mães muito activas, decidimos fazer uma pequena festa de halloween para a pequenada. Confesso, que a ideia não surgiu da minha cabeça, mas alinhei. Sabia que o #27 ia ficar contente e por isso não disse que não. Mas (tinha que haver um mas) nada de fatos e afins comprados… não gasto um “chavo” para esta tradição que de nossa não tem nada!

Claro que estes meus pensamentos sobram sempre para mim.

Depois de um dia de trabalho ainda fui para casa improvisar umas asas de morcego para cozer numa camisola preta e fazer uns nuggets de frango para a pequena comer durante a festa.

Dei umas tesouradas num lençol cinzento… era o mais escuro que por lá andava! Cozi mais ou menos a uma camisola escura e voilá! umas asas de morcego super giras. Fiquei orgulhosa de mim própria! Manchei-lhe os olhos de preto, desenhei uns dentes afiados e lá ficou ele encantado da vida.

20161102_145819.jpgSó por aquele sorriso, todo o trabalho valeu a pena!

Sei que saímos de casa pela 20h. Passámos no patamar, que cheirava a bombas de mau cheiro. Genial! Cruzámo-nos com um grupo de mascarados, que ainda se atreveu a mudar de passeio para vir assustar os meus pequenos. Adolescentes, enfim! Mas como levaram com um olhar de mãe feroz desistiram a meio da estrada. E chegamos á festa. Que durou … durou … durou até à 01h00. Mas tudo correu bem, deu para pôr a conversa em dia e relaxar um pouco com as outras mamãs. E eles ficaram KOs. Sorte que levei a chave do prédio comigo, porque no regresso algum vizinho que não queria ser incomodado pelos vampiros decidiu num acto puramente egoísta desligar a campainha do prédio. Ou seja, possibilidade de entrar sem chave? Só se fossemos fantasmas!

Mas eu sou uma mulher de tradições. Balelas, mas vamos pensar que sim! Decidi combinar com mais amigos uma ida ao Pão por Deus logo pela manhã. Ainda em modo zombie lá nos conseguimos despachar. Fomos timidamente tocar a umas campainhas e para muito espanto meu e frustração! Ouvimos várias vezes ah! ontem é que deviam ter vindo ou oh! já não tenho nada. As piores de todas foram o que se dá no pão por deus? e isso é uma tradição das terrinhas! Fogo! Onde é que nós vivemos? Será que eu sou assim tão velha?

20161102_175201Devolvam-nos o pregão “Pão por Deussss”, os sacos com maçãs, nozes, broas, caramelos e moedas, o toque a campainhas sem partidas.

Estava tão frustrada que acabei por comer uma pizza. Fomos todos almoçar juntos e apesar do cansaço do #18, que se reflectia em birra, soube bem. Para o ano há mais!

#38

Anúncios

2 thoughts on “Mataram o “Pão por Deus”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s